As perguntas que deve fazer antes de colocar Implantes Dentários

As perguntas que deve fazer antes de colocar Implantes Dentários

Em que situações os implantes dentários são recomendados?

Os implantes dentários são atualmente a solução ideal para a reabilitação de zonas com ausência de um ou mais dentes.

Quais as vantagens de ser reabilitado com implantes?

Para além do ponto de vista funcional e mastigatório, também conseguimos uma melhoria estética que contribui para um maior conforto social e psicológico do paciente.

Existe algum risco ou desvantagem em ser reabilitado com implantes?

Os implantes dentários, funcionam praticamente como dentes naturais e não trazem nenhum risco de saúde para o paciente uma vez que são totalmente biocompatíveis com o nosso organismo. Conseguem-se até reproduzir dentes quase iguais aos dentes naturais graças às tecnologias atuais de cerâmica. Tem até a vantagem de não sofrer de cárie dentária! No entanto, em algumas situações de defeitos ósseos, a anatomia dos dentes tem de ser adaptada. Assim, é fundamental que o desenho da coroa dentária facilite a higienização diária do paciente, reduzindo a formação de placa bacteriana e possíveis riscos de inflamação. As manutenções periódicas, de seis em seis meses, são fundamentais não só para a manutenção do implante como de toda a saúde oral

As coroas dentárias são colocadas no dia da cirurgia?

No dia da cirurgia de colocação de implantes é possível reabilitar de imediato. Contudo, esta primeira reabilitação é provisória, ou seja, são colocados dentes fixos no próprio dia, mas é necessário que os tecidos duros (osso) e moles (gengiva) se adaptem até ao momento da reabilitação definitiva. Esta última reabilitação, a definitiva, para além de devolver em pleno a função mastigatória também reabilita totalmente o paciente a nível estético.

Que tipo de técnica utilizo para a colocação do(s) implante(s)?

É necessário planear cada caso clínico individualmente, tendo em conta fatores como a condição de saúde oral, hábitos funcionais e expectativas do paciente. No entanto, procuramos sempre que possível uma abordagem minimamente invasiva. Atualmente, os meios de diagnóstico digitais vieram tornar possível planificar com elevada precisão a cirurgia de colocação de implantes. Na Clínica Delille todos os pacientes candidatos a reabilitação oral fixa, são sujeitos a uma análise digital – Workflow Digital – para conseguirmos planear com detalhe e perspetivar o resultado final.

E se o paciente tiver pouco osso na zona desdentada?

Na reabilitação de casos complexos, podemos ter de recorrer a técnicas de regeneração óssea. Esta pode ser prévia ou simultânea à cirurgia de colocação de implantes dentários. A regeneração óssea deve ser entendida como parte do processo de reabilitação oral (a perda dentária está sempre associada a alterações do volume do osso maxilar). Nestes casos é necessária a compreensão e cooperação do paciente, uma vez que os pós-operatórios após as cirurgias são mais delicados. Apenas desta forma é possível, muitas vezes, assegurar uma reabilitação fixa e estética com previsibilidade de duração a longo prazo.

Se surgir alguma dúvida, conte connosco. Estamos aqui para ajudar.

Por: Francisco Delille, Director Clínico de Clínica Delille e Médico Dentista especialista em Cirurgia Oral – Cédula Profissional OMD nº 887